Cinema – O olhar do diretor Eythan Fox

Três filmes [do diretor Eythan Fox, norte-americano de nascimento, ascendência israelense] que mostram que ser gay quase nunca é um paraíso. Mas tudo depende de como se aceita e se leva a vida.

Andando sobre as águas

O primeiro, Delicada Relação [Yossi & Jagger], de 2002, parece ter sido baseado numa história real. Dois soldados [ou seriam oficiais?] israelenses na fronteira de Israel e o Líbano, apaixonados, buscando uma luz, uma saída para o que sentem em um meio opressivo sob todos os aspectos.

O segundo, de 2004, Andando Sobre As Águas [Walk on Water] nos mostra um gay de bem com a vida, seguro de si, lidando com um oficial do serviço secreto israelense numa situação que nos surpreende.

Finalmente, Bubble, de 2006, é bem mais do que um filme político com temática gay e nos fala de intolerância, aceitação do outro.

Dar uma espiada na vida de pessoas que vivem situações tão distintas das nossas, mas vivendo conflitos muitas vezes idênticos, é sempre oportuno.

Antes de tudo, a poesia está presente em todos eles. Na vida de cada personagem que escolheu viver o que pode, como é.

Quem ainda não viu, poderá gostar.

Anúncios
Esse post foi publicado em Cinema e vida, Gay. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Cinema – O olhar do diretor Eythan Fox

  1. FOXX disse:

    eu vi Bubble e adorei…
    tenho q ver os outros…

  2. Junior disse:

    Assisti ao ‘Bubble” e tb curti, mas pretendo ver os outros dois. Gostei da narrativa “surpreendente” do segundo.
    Beijos.

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s